Slideshow Image 1
Slideshow Image 2
Slideshow Image 3
Slideshow Image 4
Slideshow Image 5
Slideshow Image 6
Slideshow Image 7
Slideshow Image 8

Saúde do Trabalhador divulga dados do 3º quadrimestre de 2020

10/12/2020 15:10

O serviço de Saúde do Trabalhador informa o quantitativo das notificações de doenças, acidentes e agravos do trabalho – SINAN – 3° Quadrimestre 2020:

No 3º quadrimestre do ano de 2020, foram analisados um total de 21 acidentes de trabalho, registrados no Sistema de Informações SINAN.

Outras 5 notificações não foram possíveis de concluir a investigação por inconsistência de dados necessários para localização de busca ativa, sendo 02 fichas de Dois Irmãos do Buriti (encaminhado para Terenos), 02 Nioaque (acidente com caminhão na Serra de Maracaju) e 01 ficha referente à Corumbá (Acidente de caminhão).

Durante a análise circunstanciada dos casos de acidentes envolvendo atividade de caminhoneiro, destaca-se que em razão do baixo nível de água rio Paraguai, o transporte de minérios por embarcação fluvial foi suspenso, fator que demandou o aumento do tráfego de transporte de cargas por rodovias.

Na Avaliação do ramo produtivo segue a mesma configuração, sendo o trabalhador agropecuário com 08 acidentes. A prevalência foi para o trabalhador campeiro na lida de bovinos, seguido dos trabalhadores do setor de transporte de cargas rodoviário.

No comparativo de avaliação entre o 2º com 3º quadrimestre podemos observar que os acidentes de trabalho grave no 1º quadrimestre foram 45, no segundo 15 e no terceiro 19, ou seja a maior demanda ocorreu no período de janeiro a abril de 2020.

Os dados de registro de ATMB (Acidentes de Trabalho com Exposição à Material Biológico) no 1º quadrimestre foram registrados 05, no segundo 06 e no terceiro sem casos registrados, portanto no comparativo dos casos de Acidente de Trabalho com material Biológico a maior incidência ocorreu no período de maio a agosto de 2020.

No registro de notificação de doenças relacionados ao trabalho, no 3º quadrimestre foram notificados 01 caso de pneumoconiose e um caso de LER/DORT, sem dados de registro para comparativos nos 1º e no 2º quadrimestre.

Na ocupação trabalhador rural, foram registradas 04 notificações no campo de atividade envolvendo animais peçonhentos, sendo no primeiro quadrimestre houve 02 casos, no segundo 01 e no terceiro foram registrados 01 acidentes, sendo a maior incidência registrada no 1º quadrimestre.

As estratégias para execução dos registros e investigação, foram adotadas visitas in loco, no ambiente hospitalar (setor de internação e ambulatório de ortopedia).

As fichas recebidas através do Setor de Epidemiologia, foram concluídas as investigações por meio de realização de visita domiciliar e alguns casos em que o trabalhador já havia retornado ao trabalho, foram realizadas visitas na empresa para coleta de dados sobre as circunstâncias do acidente.

As recomendações de prevenção e correção dos riscos de acidentes de trabalho, bem como proposição para adequação do processo produtivo e prevencionista, foram passadas para os trabalhadores e respectivas empresas, solicitação de revisão dos programas de saúde e segurança do trabalho NR07 e NR09, fornecimento e uso dos EPIs, treinamento de prevenção de acidentes e doenças relacionados ao trabalho.

A redução dos indicadores de notificação dos acidentes de trabalhado, no terceiro quadrimestre, relacionam com o período epidêmico da COVID-19, período em que ocorreu restrição das atividades produtiva, redução do fluxo de trabalhadores na linha de produção, com intensificação das medidas de segurança.

O Serviço de Vigilância em Saúde do Trabalhador realiza capacitações para os trabalhadores da saúde de Aquidauana e microrregião, ressaltando sobre a importância do preenchimento correto da ficha de notificação de agravos relacionados ao trabalho para fins de dados epidemiológicos, uma vez que estes dados fornecidos são essenciais para investigação e posteriores ações necessárias de promoção e prevenção realizadas pela equipe de Saúde do Trabalhador.

Trabalhadores formais, informais ou estatutários podem contar com atendimento multiprofissional da equipe do Serviço, com psicóloga, enfermeira, médica, técnico em segurança do trabalho e fisioterapeuta. Podendo ser agendado na rua Giovani Toscano de Brito, quadra 337 - lotes 5,6,7 e 8, antigo prédio da UPA, ou pelo telefone (67) 3241-1357.

Fonte: Agecom


Prefeitura Municipal de Aquidauana

Luiz da Costa Gomes , Nº 711
Bairro Cidade Nova
Aquidauana / MS
CEP: 79200-000
Telefone: (67) 3240-1400

Horário de atendimento: de segunda à sexta, das 07h às 13h